Parque Aconcagua

Roteiro - Mendoza -

Parque Aconcagua

Desde a Ruta 7, há praticamente um único local (aproximadamente no quilômetro 180, entre as aduanas da Argentina e do Chile) de onde o Aconcágua é visto à distância. A poucos metros dessa parada obrigatória está a entrada do Parque Provincial do Aconcágua.

A partir da estrada, 2km dão acesso à (Laguna de los Horcones - que em espanhol significa forquilha, descrevendo o formato dos rios Horcones Superior e Horcones Inferior que circundam o Cerro e que se encontram na Laguna onde formam o rio Cuevas. Da orla da laguna se sobe até o mirante do Aconcágua - (meta compensadora e justificável, de muitos que encerram aí sua grande aventura. No verão, parte do percurso pode ser feita em carro.

No inverno, a neve cobre totalmente o acesso, inclusive a casa sede da entrada do parque. Em qualquer época, o vento forte parece querer expulsar intrusos. Avançar mais em direção à cumbre principal requer preparo.

A Plaza de Mulas, a 4230m de altitude é o acampamento básico e ponto de partida para as expedições de escalada à face norte, mais acessível; a Plaza Francia dá acesso à parede sul, de mais difícil acesso. Para isso, exigem-se guias regulamentados, pagamento de acesso ao Parque e seguro. E tudo deve ser providenciado antecipadamente e exclusivamente em Mendoza (Departamento de Recursos Naturais Renováveis, Parque General San Martin).

Afinal, diferentemente do Tupungato, que se reparte entre dois países, o Aconcágua é totalmente argentino. Há diversas empresas em Mendoza preparadas para dar todo o suporte necessário a essa aventura.


Visualizar Aconcagua em um mapa maior


Você quer escalar o Aconcágua? Visite:

:: Aconcágua. Senhor das Américas




Notícias Relacionadas:

Quer contribuir com o Roteiros Andinos?

O Roteiros Andinos está aberto a contribuição de seus leitores. Clique para saber mais.

O site Roteiros Andinos é mantido pelo Portal AltaMontanha.com - Consulte nossa Política de Uso!